Apenas 21 anos e empreendendo com e-commerce!

Essa é a história de Giva Pereira que aos 12 anos veio da Paraíba para morar na grande favela de Paraisópolis em São Paulo. Viu a dificuldade de perto e fez seus movimentos para fazer o Ensino Médio na unidade social de uma escola privada voltada especialmente para Paraisópolis.

Giva conta que foi neste ambiente que aprendeu “a desenvolver projetos sociais voltados para resolver problemas da comunidade”, inclusive vencendo concursos. Já concluindo, preparou-se e conseguiu bolsa de 100% para estudar Análise e Desenvolvimento de Sistemas. Porém, desde cedo ele já pensava em empreender.

Com a pandemia e todos os movimentos que estavam acontecendo na favela, ideias de empreendedorismo brotaram, pois como presidente de rua, organização criada na favela, ele se viu envolvido em ações que precisavam de soluções para acontecer.

O projeto para fazer as doações chegarem aos moradores levou o Giva a uma outra experiência que foi a Favela Brasil Express, empresa de logística que liga os endereços de Paraisópolis a centros de distribuição. Giva explica: “Todos os entregadores são moradores de Paraisópolis. Isso é fundamental.” Assim a entrega fica garantida. Com apenas seis meses de operação, a empresa emprega quase 80 pessoas da comunidade e entrega 800 pacotes por dia.

Com isso empresas da favela também podem atender no entorno, ou seja, as lojas de Paraisópolis estão no e-commerce. A mercadoria passa a ser um produto como qualquer outro, em comércio mais aberto.

E tem muito mais nos planos deste empreendedor!

Deseja ler esta reportagem completa? Acesse:

https://www.uol.com.br/tilt/especiais/conteudo-de-marca/mobil-abrindo-caminhos.htm?utm_source=uol&utm_medium=tvhome#cover

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *