Como ganhar dinheiro com cursos online

A internet possibilita diversas maneiras de ganhar um dinheiro extra ou seja, sem a necessidade de largar o emprego convencional. Muitas dessas maneiras são desconhecidas, mas uma delas está se tornando cada vez mais popular. A criação de cursos online. Algumas pessoas se dão tão bem nessa atividade que acabam tornando essa, a principal fonte de renda, largando esses empregos convencionais.

O quanto é possível ganhar com a criação de cursos online, depende exclusivamente do esforço de cada em alguns sentidos. A qualidade do material, o tipo de curso e o jeito como se atrai novos alunos para o curso variam. Mas como na Internet a capacidade de escala é muito grande, esse mercado só tem crescido.

De acordo com o Censo da Educação Superior de 2016, houve um crescimento de 7,2% no número de matrículas online, enquanto que o ensino presencial teve uma queda de 0,08%.

Na internet, é possível encontrar:

  • Youtubers que ensinam como crescer no Youtube.
  • Artesãos que querem ensinar suas práticas manuais;
  • Chefs de cozinha que ensinam sobre as técnicas básicas;
  • Astrólogos repassam seu conhecimento milenar para novas pessoas;
  • Ex-concurseiros que dividem seus aprendizados de como passar em um concurso;
  • Profissionais de marketing ajudando empresas a crescer;
  • E muito mais!

E tecnologia com certeza é uma grande estrela entre os cursos online. Quanto maior o segmento, melhor deverá ser seu conteúdo para se destacar. Aqui vai algumas dicas para produzir um conteúdo de qualidade:

1. SEJA RELEVANTE

Um bom conteúdo deve ser relevante para o aluno e entregar uma proposta de valor. Se esse estudante está pagando por um curso, é porque ele quer aprender novos temas que ele não aprenderia em um outro lugar ou lendo em um artigo disponível na internet.

2. SEJA EXCLUSIVO

Essa dica é bem legal também. Produzir um material que pode ser encontrado em qualquer lugar não é tão atraente para conquistar alunos. Mas é claro que pode-se encontra de tudo na Internet, então ser exclusivo não é tão fácil assim. Mas você pode organizar seu material de um modo diferente e mais fácil de assimilar que pode ser justamente o diferencial do seu curso.

3. MOSTRE AUTORIDADE

Nesse caso “autoridade” não significa ser autoritário no seu tom de falar nos vídeos claro, mas sim de demonstrar propriedade sobre o conteúdo. Mais do que repassar a aula preparada, demonstre que você obteve resultados com seu conhecimento, algum projeto que executou graças ao seu conhecimento ou coisa assim. As pessoas vão ver que você é uma autoridade com propriedade para entregar aquele conteúdo.

4. FAÇA COM QUALIDADE AMOR

Se você vai perder um tempo criando aulas para transmitir um conhecimento, lembre-se de que do outro lado existe uma pessoa com expectativas, possivelmente alguém que quer aprender algo para colocar em prática. Não pense apenas em vender curso, faça com amor essa atividade que dessa forma você fará algo com mais qualidade. Grave suas aulas com o máximo de qualidade que seus recursos permitem e quando começar a ter seu lucro, invista em equipamento melhor para entregar uma experiência melhor. Melhor áudio, melhor qualidade de vídeo, contrate um videomaker se for possível e foque no conteúdo enquanto um profissional da área cuida da edição do seu vídeo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *